(Re)descubra Goiânia pelo olhar de um turista e entenda porque eles sempre voltam

Pequi, sertanejo e dinossauros são só o começo

src

por Curta Mais

13/02/2020 às 15:56 - Atualizado em 14/02/2020 às 09:04

Faça uma avaliação

Em conversa com um recém-chegado, foi possível concluir que Goiânia certamente tem muito mais a oferecer do que as estórias contam por aí.

Para quem não conhece a capital de Goiás, as primeiras imagens que surgem na mente quando fala-se sobre Goiânia é de um local que anoitece na música sertaneja e amanhece comercializando todo tipo de roupa a preço baixíssimo.

Ao chegar, no entanto, o turista começa a ter uma visão um tanto peculiar, principalmente se avistar um dinossauro em tamanho real no parque localizado à beira da Marginal Botafogo. Aos mais chegados, dá-se o nome de parque Mutirama, já aos forasteiros é o cheiro de novas aventuras.

de25c388d1a512574197409719b9d54b.jpeg

Na primeira semana o visitante pode descobrir diversas especialidades culinárias, que vão desde o famoso pequi do Goiás, pamonha, até a pimenta de cheiro, iguarias da culinária goiana.

c1df3cd4aa0c6200b12bc09f4a322b63.jpeg

É na Praça Tamandaré que, aos finais de semana, descobrirão que nem só do comércio de roupas baratas vive a capital, mas, também, de uma feira repleta de artesanatos, comidas e bebidas típicas, acessórios, itens para casa, presentes e muita pamonha.

4ef77a162b91314c3ef69ec823c20b5e.jpg

b035edbebc47325feca098ea4f5b84b6.jpg

Para os que desejam experiências físicas e intelecutuais a cidade oferece, respectivamente, parques, bosques, bibliotecas, museus, teatros e centros culturais.

Quanto as possibilidades de entretenimento, é uma verdade sobre a cultura sertaneja ser bem forte na região. No entanto, quem prefere vivenciar algo alternativo, será muito bem recebido no Setor Marista, onde vários pubs, boates e restaurantes estão localizados.

Para os adeptos de música alternativa a Bananada é uma boa pedida, já quem procura diversidade cultural será bem recebido no festival Vaca Amarela. A cidade também recebe o festival Vila Mix, com programações nacionais (sobretudo sertanejo) e internacionais (há boatos que até a cantora Demi Lovato pisou por ali).

Em uma cidade com 1,3 milhões de habitantes, o que não falta é calor humano e receptividade. Multicultural, a capital possui opções para todos os públicos e, caso o turista decida passar mais de uma semana, não faltarão opções de jantares, rolezinhos, churrascos, tererés, esquentas e  novos velhos amigos.

Se depois de tudo isso os visitantes não decidirem ficar tão logo voltarão cantando "Ei! Goiânia, não deu pra segurar a barra então eu voltei".

 

Fotos: Marcos Aleotti/ Curta Mais

Você também pode gostar

Clube Curta Mais
Clube de vantagens e descontos exclusivos
Acesse