Flamboyants: uma crônica de Rubem Alves

"As flores dos flamboyants, dentro de poucos dias, terão caído. Assim é a vida. É preciso viver enquanto a chama do amor está queimando..."

src

por Marcelo Albuquerque

18/01/2016 às 13:24 - Atualizado em 18/01/2016 às 13:26


Você também pode gostar

Você também pode gostar

Clube Curta Mais
Clube de vantagens e descontos exclusivos
Acesse