Conheça o lugar onde os barrigudos são reverenciados

Alguns membros da tribo Bodi ficam tão gordos que não conseguem nem andar mais

src

por Marcelo Albuquerque

05/11/2015 às 22:18 - Atualizado em 05/11/2015 às 22:26

Faça uma avaliação

Já dizia Homer Simpson, “um homem sem barriga é um homem sem história”. Em Bodi (Etiópia) o ditado é a mais pura realidade. Nessa região africana habitada pela tribo Me'en, quanto maior é barriga, mais o homem é apreciado na comunidade. Ou seja, a barriga tanquinho, chapada, tão perseguida pelos homens no Ocidente não tá com nada por aquelas bandas. 

Todo mês de junho, seis meses antes da cerimônia do Ka'el, cada família indica um homem solteiro para participar do concurso de mais gordo da tribo. O candidato tem comer em excesso, beber sangue e leite de vaca (que é sagrada na tribo). Segundo o fotógrafo francês Eric Lafforgue, que registrou todo o ritual.

Por causa da temperatura elevada, os solteiros indicados precisam consumir rapidamente cerca de 2 litros da mistura de leite e sangue antes que o produto fique sólido. O participante fica isolado em uma cabana e não pode ter relação sexual até a cerimônia. Mas todos os alimentos são levados a ele por mulheres da tribo.

"Os homens gordos bebem leite e sangue o dia inteiro, Alguns ficam tão gordos que não conseguem nem andar mais", disse Lafforgue ao "Daily Mail".

Você também pode gostar

Clube Curta Mais
Clube de vantagens e descontos exclusivos
Acesse