26/04/2018 00:53
Notícias / Conteúdo

Projeto de lei que proíbe aumento do IPTU em Goiânia é aprovado

O projeto propõe alteração da lei de 2015 que estabelece aumentos anuais que variam de 5 a 15%, mais inflação

por Curta Mais

Nesta quarta-feira (23), a Câmara Municipal de Goiânia aprovou em primeira votação, o projeto de lei que proíbe o aumento contínuo do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) e do Imposto Territorial Urbano (ITU). O projeto segue agora para a Comissão de Finanças para receber parecer técnico e depois retorna para o plenário votar em sessão ordinária.

O projeto de lei, recebeu apoio dos vereadores quando foi discutida anteriormente. Se o projeto for aprovado, a lei de 2015 que estabelece aumentos anuais que variam de 5 a 15%, mais inflação, sobre o IPTU e ITU, será alterada.

A proposta propõe definir que o aumento do imposto seja calculado apenas com base na inflação.

Foto: Vitor Santana

NOTÍCIAS RELACIONADAS

+ Notícias

Bailarina de Goiânia é indicada ao prêmio máximo do balé

Amanda Gomes possui várias premiações pelo mundo, mas não esperava ser indicada por um prêmio tão grandioso


+ Notícias

Aos 87 anos mulher conquista diploma de nutrição

Imigrante italiana escreveu o trabalho de conclusão de curso todo à mão


+ Notícias

Pico da Neblina ponto mais alto do Brasil volta a receber turistas a partir deste ano

Atividades serao realizadas pelo povo Yanomami que aposta no turismo para afastar ameça de garimpo


+ Notícias

5 receitas incríveis para convidar a galera e aproveitar sua panela elétrica de arroz

Amplie seus horizontes para além do arroz, tá mais que na hora de colocar sua panela pra trabalhar de verdade


+ Notícias

Alexandre Pato paga 6 meses de tratamento com injeções de R$ 18 mil contra câncer de internauta

Pato preferiu a discrição e se limitou a postar uma foto sua com a legenda: 'O amor é a força mais sutil do mundo'



+ Notícias

Projeto que torna Pit Dogs patrimônio histórico e cultural é aprovado em Goiânia

Prefeitura ficará impedida de remover os estabelecimentos caso o projeto seja aprovado em segundo turno


+ Notícias

Casados há 82 anos idosos adoecem e pedem para serem internados juntos no DF

"[quinta] perguntamos a ele se, quando casaram, se amavam muito. Meu avô respondeu que ainda ama, que é muito apaixonado por ela".


TV Curta Mais

MAIS LIDAS DE HOJE

+ CLUBE DE VANTAGENS CURTA MAIS

Curta Mais 2018. Todos os direitos reservados.