22/09/2017 01:29
Notícias / Conteúdo

20 motivos para amar Goiânia

20 motivos para amar nossa terrinha e ficar orgulhoso de ser um goiano do pé rachado!

13647    22

Curta
por Curta Mais

Vinte motivos para amar Goiânia? Parece pouco, né? A gente poderia ficar falando a vida toda das belezuras da capital que é a queridinha do Centro-Oeste e fica bem no coração do Brasil, onde todo xodó deve ficar. Goiânia é uma cidade que, apesar de grande, ainda não tem ares de metrópole, mas também não é uma cidadezinha pacata do interior. Goiânia é única, com suas belas praças e muitos bosques, características que deixaram nossa cidade entre as cinco capitais mais arborizadas do país. E tem também nossa culinária, nossa cultura e patrimônio histórico, que são orgulho dos goianienses e também de quem escolheu esta terra para morar. O Curta Mais vai mostrar para todo mundo porque amamos Goiânia e porque ela é a melhor capital do mundo. Invejosos dirão que é bairrismo, mas pra nós, ela é a melhor sim! Confira a lista:

 

1. Parque Vaca Brava

Sim, nós amamos o Parque Vaca Brava e nos orgulhamos muito dele! É simplesmente incrível ter um lugar tão lindo no meio da cidade, privilégio de poucos! Um verdadeiro oásis que descansa os olhos e alegra o coração. Impossível não amar.

 

2. Jardim Botânico

Criado em 2005, o Jardim Botânico tem uma área de 109.655m². (Foto: Divulgação/Amma)

A gente ama o Jardim Botânico! É um dos motivos que fazem nosso coração bater mais forte por Goiânia. Ele é a nossa maior área verde da cidade, e fica no Setor Pedro Ludovico Teixeira. Lá, o visitante pode encontrar uma área fechada de mata com espécies nativas do cerrado e animais silvestres, além de uma pista de caminhada para quem adora se exercitar. Em breve o Jardim vai contar tambémcom um borboletário, e a gente vai amar ainda mais esse lugar. <3

 

3. Parque Areião

O Parque Areião é lindo! Uma enorme área verde que fica entre os setores Pedro Ludovico, Marista e Sul, o parque faz o coração do goianiense acelerar. Lá tem estação de ginástica, lago (lindo!), pista de cooper e parque infantil. Basta dar uma voltinha para topar com vários macaquinhos prego, moradores ilustres do Areião. Amamos. Amamos muito.

 

4. Parque Flamboyant

Que tal essa vista aérea do Parque Flamboyant? É ou não é simplesmente espetacular? O parque, que fica no Jardim Goiás, é um dos mais novos da cidade, e possui dois lagos, pista para caminhada, pista para ciclismo e parque infantil, entre outras atrações. E o melhor: fica pertinho de um dos shoppings mais amados do goianiense: o Shopping Flamboyant.

 

5. Lago das Rosas

Esse é o parque mais antigo de Goiânia. O charmoso Lago das Rosas fica entre o Centro e o Setor Oeste, e abriga também o zoológico de Goiânia. Construído na década de 1940, é um dos símbolos do estilo Art Déco, que pode ser conferido no seu trampolim e nas suas muretas. Muitas gerações já passearam de mãos dadas ali, e muitas ainda vão aproveitar esse lugar que tanto amamos.

 

Achou que a gente ia falar só dos parques, né? Nada disso, a gente ama Goiânia também por causa disto:

 

6. Martim Cererê

Quem nunca foi no Martim Cererê? Se você morava em Goiânia quando era criança, certamente foi com a turma da escola para assistir alguma peça de teatro no espaço que é um dos mais amados pelos goianienses. Localizado no Setor Sul, o Centro Cultural Martim Cererê possui dois pequenos teatros, o Yguá e o Pyguá, que antigamente eram antigas caixas de água da Saneago. Atualmente, o espaço do Centro Cultural é utilizado para os diversos festivais de música alternativa, entre eles o Vaca Amarela,o Grito Rock, o Goiânia Noise, além de já ter sido palco do Festival Bananada, um dos maiores da música alternativa do país. Sim, amamos o Martim Cererê!

Curiosidade: Martim Cererê é o nome de uma obra do autor modernista brasileiro Cassiano Ricardo. Foi publicada em 1928, e trata-se de um longo poema indianista e nacionalista, em que o índio, o negro e o branco tomam posse do Brasil e inventam um novo país.

 

7. Pit Dogs

Experimente sair de Goiânia e usar a expressão Pit Dog para se referir aos trailers que vendem comida nas ruas da cidade. Sério, ninguém vai te entender. Só aqui em Goiânia tem Pit Dog, marca registrada do vocabulário goianês. A grana tá curta? Tem sempre um X-salada (mais um verbete do dicionário goianês) do tamanho do seu bolso, o sanduba poderoso mata a fome e dá sustância! Da periferia à área nobre, tem Pit Dog para todo mundo, e o X entra para a lista de lanches mais democráticos da cidade. Amamos.

 

8. Festivais de música alternativa

Que Goiânia é celeiro da música sertaneja todo mundo sabe. Mas, a música daqui não se resume às duplas que fazem sucesso no país, e nunca, nunca diga para um goiano roqueiro que na cidade só rola modão. A capital está no circuito dos grandes festivais de música alternativa do Brasil, e tornou-se referência no quesito música boa. Por aqui, rolam o Festival Bananada, o Goiânia Noise Festival, o Grito Rock e o Vaca Amarela, que trazem grandes nomes da música brasileira para o público goiano, além de revelar bandas de Goiânia para o mundo. Mais um bom motivo para ficar in love com a cidade.

 

9. Música sertaneja

Não foi a gente quem inventou, mas ninguém inventou mais duplas sertanejas do que Goiânia. A lista de duplas não caberia aqui, são tantas que representam a cidade no gênero musical que Goiânia ficou nacionalmente conhecida como a capital do sertanejo. Você pode amar ou odiar, com o sertanejo não tem meio termo, só não pode dizer que a música não é a mais popular por aqui. E tem duplas e cantores para todos os gostos: dos tradicionalistas aos mais moderninhos. Mais um dos motivos para amar a terrinha.

 

10. Feiras

Sabia que Goiânia é a capital brasileira das feiras? O título não foi conquistado por acaso, por aqui tem feirinha que para todos os públicos. Além de serem uma ótima opção para comprar, elas também são boas alternativas de lazer, principalmente para quem quer fugir do comércio de rua e dos shoppings. Das feiras especiais – aquelas que vendem artesanato, roupas, calçados, comida, etc -, a Feira da Lua está entre uma das mais procuradas, e é point dos goianienses nas tardes de sábado. Não tem como não amar!

 

11. Mercado da 74

Em funcionamento desde 1953, o Mercado da 74 é um xodó dos goianienses. Além dos vários bares, oferece também uma programação cultural pra lá de variada durante a semana. Tem noite de samba, de sertanejo, de pop rock e forró, um dos espaços mais democráticos da cidade. Tem um lugarzinho no nosso coração, sim!

 

12. Barzinhos

Um dos programas favoritos dos goianienses é aproveitar um barzinho. São muitas as opções na cidade, incontáveis, para todos os públicos e todos os bolsos. Além deles, temos boates, pubs e outras casas que tiram a galera do marasmo e animam qualquer dia da semana. Tá na lista!

 

13. Centro Cultural Oscar Niemeyer

O Centro Cultural Oscar Niemeyer, também conhecido como CCON e NIE, é um complexo de espaços culturais que oferece uma programação variada para o visitante. Construído em 2006, o espaço abriga a esplanada Juscelino Kubitschek; o Palácio da Música Belkiss Spenzieri; o Museu de Arte Contemporânea; o prédio da biblioteca e o monumento aos Direitos Humanos, que, segundo o próprio Oscar Niemeyer, é "um grande triângulo vermelho que confere ao projeto a importância desejada”. Um dos mais novos cartões postais  da cidade já conquistou o coração do goianiense. Outro bom motivo para amar Goiânia.

 

14. Flamboyants

Eles fazem parte da paisagem e conquistaram o coração dos goianienses. Os Flamboyants são uma marca registrada da cidade, e quando florescem pintam o cenário da capital de vermelho. Os flamboyants da foto acima ficavam no canteiro da Avenida Goiás Norte, e foram removidos do local no ano passado por conta da construção do corredor exclusivo de ônibus do Bus Rapid Transit (BRT). Uma pena, né? Mas existem muitos outros que enfeitam a cidade e são um verdadeiro colírio para os olhos.

 

15. Campinas

E na nossa lista não poderia faltar o bairro de Campinas. Antigamente, Campinas era um município, mas com a construção de Goiânia perdeu a condição de cidade e se agregou à nova capital de Goiás. É um dos bairros mais importantes de Goiânia, considerada como um ponto fundamental na formação da capital. Quem vai a Campinas encontra um grande número de comércio e residências, além da Praça Joaquim Lúcio, marco do setor.

 

16. Mutirama

Só de pensar no Mutirama já dá vontade suspirar. Não há quem não ame esse que é um dos lugares mais queridos dos goianienses, e que fizeram várias gerações de crianças felizes. Inaugurado em 1969, o parque é um dos mais representativos parques públicos temáticos do país, e conta com 29 atrações para fazer a alegria da criançada (e dos crescidinhos também, por que não?). O Mutirama mora do lado esquerdo do peito do goiano.

 

17. Zoológico

Localizado no Setor Oeste, o Jardim Zoológico de Goiânia foi inaugurado em 1946, e é um dos lugares favoritos do goianiense. Além de poder dar uma olhadinha nas várias espécies de animais que vivem por lá, o visitante pode aproveitar o espaço que oferece restaurante, parque para as crianças e uma grande área verde que é um verdadeiro convite para um piquenique entre amigos e família. Tem o nosso amor.

 

18. Goianês

E que ninguém venha tirar onda com nosso sotaque! Falamos goianês com muito orgulho e não temos nenhum problema em puxar o “r”, abreviar as palavras e usar expressões que só quem é de Goiânia consegue entender. Nem melhor, nem pior: nosso jeito de falar é único, e faz parte de nossa identidade cultural. Nó, bão demais da conta!

 

19. Praças

Dizem que Goiânia é a cidade das praças. E são muitas mesmo, quase todos os bairros têm a sua (muitas, infelizmente, mal cuidadas). Entre tantas, a mais famosa é a Praça Cívica, marco da construção da capital goiana. Recentemente, passou por um grande projeto de revitalização, e pode ser melhor aproveitada pelos goianienses. Amamos!

 

20. Bosque dos Buritis

E por último, mas não menos importante... nosso querido Bosque dos Buritis. Situado no Setor Oeste, o bosque é o mais antigo patrimônio paisagístico de Goiânia. Possui 141.500 metros quadrados, cercado por árvores, lagos, e plantas rasteiras. Conta com três lagoas artificiais abastecidas pelo córrego Buriti e por vários canais subterrâneos. Em uma delas está o maior jato d'água da América do Sul. Muita gerações já passearam de mãos dadas por ali, point dos românticos de Goiânia. Fecha a nossa lista, mora no nosso coração.  

NOTÍCIAS RELACIONADAS

16259   

Museu de Star Wars será aberto em Los Angeles

+ Notícias

Museu de Star Wars será aberto em Los Angeles

George Lucas deve desembolsar US$ 1 bilhão na estrutura do local


89822   

ANTT convidada população a discutir criação do trem de passageiros entre Brasília e Goiânia, o 'Expresso Pequi'

+ Notícias

ANTT convidada população a discutir criação do trem de passageiros entre Brasília e Goiânia, o 'Expresso Pequi'

O trem deve atingir uma média de 160 km/h em uma viagem de cerca de 95 minutos, transportando mais de 40 milhões de passageiros por ano


22144   

Vocalista do LS Jack retorna aos palcos 13 anos depois do coma

+ Notícias

Vocalista do LS Jack retorna aos palcos 13 anos depois do coma

Em 2004, o cantor passou por complicações após um procedimento de lipoaspiração, que o deixou em coma, e também com algumas sequelas na fala e nos movimentos


6281   

Vídeo: Dois ex-secretários se disfarçam de 'fantasmas' para furtar Prefeitura em Goiás

+ Notícias

Vídeo: Dois ex-secretários se disfarçam de 'fantasmas' para furtar Prefeitura em Goiás

A dupla arrombou a sala da administração municipal para furtar uma impressora


29815   

Jorge e Mateus desmentem fim da dupla e sobem aos palcos após onda de boatos

+ Notícias

Jorge e Mateus desmentem fim da dupla e sobem aos palcos após onda de boatos

Nas últimas semanas circulou na internet a falsa notícia que a dupla iria se separar; para sossego dos fãs eles só vão entrar de férias e retomam os trabalhos com tudo em 2017


37170   

Praça Cívica vai abrigar Circuito Cultural em Goiânia

+ Notícias

Praça Cívica vai abrigar Circuito Cultural em Goiânia

As obras de R$ 100 milhões deverão ser iniciadas entre os meses de abril e maio e a conclusão total está prevista para os próximos dois anos


32722   

Curta Mais registrou o estado dos edifícios históricos do Centro de Goiânia; veja as fotos

+ Notícias

Curta Mais registrou o estado dos edifícios históricos do Centro de Goiânia; veja as fotos

Depois da repercussão da matéria publicada pelo The New York Times na última segunda-feira (9), o Curta Mais foi conferir (e registrar) de perto o descaso com a arquitetura histórica de Goiânia


22599   

Meteorologia prevê chuva em todos os dias da semana em Goiânia

+ Notícias

Meteorologia prevê chuva em todos os dias da semana em Goiânia

A sensação térmica que chegou aos 40º nos últimos dias pode estar com os dias contados


MAIS LIDAS DE HOJE

+ CLUBE DE VANTAGENS CURTA MAIS

Curta Mais 2017. Todos os direitos reservados.